segunda-feira, 5 de outubro de 2009

Os meus poemas

Os meus poemas
São dores
Paridas
No silêncio
Das palavras
Que arranco
Do ventre!

(Carmen Cupido, Intro de "Corpo do Poema")

20 comentários:

  1. como percebo... a dor vai ali, dança ali... mas acaba sempre por acontecer uma alegria em meio a ela...

    beijo de saudade... e os olhos eram claros... poderiam ser de esmeraldas...

    ResponderEliminar
  2. Dear Carmen, I just read the entire page and really love your poetry and images. I can not wait to have a signed copy of your book in my hands and eyes. As ever be well, my dear friend

    ResponderEliminar
  3. Dona, acho que só falta mesmo o Óscar!!! Cai da cadeira quando li a noticia!!! Mas é assim que deve ser!! Vou gritar, por si... nem sei como vou gritar?? Acho que vou bater panelas!! Risos...

    Beijocas

    ResponderEliminar
  4. Uma de Deus pepita ,garimpei !OCÊ!
    GRACIAS DIEUEXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

    VIVA LA VIDAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

    ResponderEliminar
  5. Tanta poesia que encontrei por aqui.
    Parabéns!
    Um abraço
    Chris

    ResponderEliminar
  6. Bela poesia, e a foto retratou bem a sua mensagem.
    Grande abraço e sucesso!

    ResponderEliminar
  7. Oi, Carmen!

    Não sei poetizar, motivo pelo qual vivo de catar versos nas réstias dos vagalumes, porém acredito sim que os poemas são mesmo dores paridas, descargas emotivas, versos que caem da alma quando faltam palavras.

    Você versou lindamente bem.

    Basta assim!
    ---
    Muito obrigada pela sua gentil e carinhosa visita. Também gostei muito do seu blog e certamente voltarei.

    Beijos,
    Inês

    ResponderEliminar
  8. Carmen...

    Vim encontrar bela poesia, talento e muito bom gosto!!!

    Voltarei...

    Bjss
    AL

    ResponderEliminar
  9. Vim reler-te... e rever-te!


    Bjoss
    AL

    ResponderEliminar
  10. A minha 1ª vez neste blog, creio.

    Achei-o interessante.

    Bjs

    ResponderEliminar
  11. Parabens por este espaço! Sucesso para você.

    ResponderEliminar
  12. Pequeno, Simples, Lindo, Belo... como o nascer de uma criança.

    Parabéns!
    Amiga Carmen
    Beijo
    Isabel Moreira

    ResponderEliminar
  13. As palavras sentidas só podem vir do mais fundo de nós. Ainda bem que assim é.
    Não conhecia o blogue, mas gostei de vir aqui.

    ResponderEliminar
  14. Que lindo!! Amei demais!


    Amiga, obrigadíssima pela visita e pelo carinho.
    Volte sempre, pra ver um pouquinho mais do mosaicos. Afinal, a postagem que você comentou é de mais de um ano atrás...:)

    Te desejo uma maravilhosa e abençoada semana.

    Fique bem, fique com Deus.

    Beijos fra[ternos],

    Cid@

    ResponderEliminar
  15. Tentei virar seguidora/amiga do seu blog, mas deu algum problema...
    Espero ser temporário.
    Volto depois, okey?
    :)

    ResponderEliminar
  16. Passei e gostei:-)

    (Palavras paridas são quase sempre floridas)

    ResponderEliminar
  17. Não sei o que se passa na blogspot, recebo comentários de leitores que desaparecem na hora de os publicar!!Vou continuar a trabalhar no problema, até lá peço desculpas aos visitantes!!

    ResponderEliminar
  18. Belo e Intenso!

    Girassóis em profusão!

    Viva La Vida!

    ResponderEliminar